Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Fashion in the bag

Fashion in the bag

28
Abr17

Pudera eu...

fashion

 

                                     (Medieval window in Battle Abbey, East Sussex (jayne on besttravelphotos.me) 

 

Pudera eu apagar as desilusões da vida

e perceber quando um dia foram ilusões...

Pudera eu brincar de novo com bolas de sabão

e esquecer quando me tornei adulta

Pudera eu nunca fechar nenhuma das portas que a vida me deu

E procurar a luz nas janelas fechadas

Pudera eu...

 

27
Abr17

girassol

fashion

 

Adoro girassóis e hoje quis saber o seu simbolismo. Assim, como o próprio nome expressa o girassol, não poderia deixar de ser um símbolo solar. O seu nome resulta não só dum tropismo bem conhecido, mas ainda da forma raiada da flor. Para os chineses é um alimento de imortalidade. A sua cor mutante poderá ter relação com os orientes, e caracterizá-lo-ia, então, a ele próprio como heliotrópio.
Num aspecto místico simbolizaria o amor divino, os sentimentos e pensamentos dirigidos a Deus. É um símbolo da prece.

E por aí, gostam de girassóis?

 

 

26
Abr17

Dos momentos intocáveis às torradas no chão...

fashion

 

 

(imagem retirada da net)

 

A primeira coisa que fazia, nos Domingos, era abrir os olhos e ficar à escuta. Respirava com calma e o seu ouvido procurava os sons da chuva. Ficava desapontada quando os pingos da água não tocavam na vidraça e saltava da cama  quando os sentia fortes e persistentes contra o vidro.

Sabia que se chovesse o pai ficava mais tempo na cama e corria para ficar com ele, enquanto a mãe cuidava dos cães. O pai sintonizava um rádio que tinha na cabeceira e  os clássicos evadiam toda a casa. Contava-me histórias sobre cada uma das músicas e o que fazia no momento em que se ouviram pela primeira vez, trauteava os refrões e fazia-me cocegas quando o imitava. Aquilo demorava umas duas horas, mas para mim parecia que o mundo tinha parado para sempre e que aquele momento se manteria intocável. Depois era a vez do momento da lareira. Ela ficava mais um bocadinho em êxtase musical enquanto ele acendia a lareira e torrava o pão, desta vez era o nariz que lhe dizia quando se devia levantar. Corria para o chão, em frente à lareira, e como prato na mão, tocada pelo calor que não vinha do lume, comia saborosos pequenos almoços e imaginava o que fariam a seguir.

Na sua imaginação estes momentos existiriam sempre e mesmo velhinhos continuariam a ouvir clássicos e a comer torradas sentados no chão. Quanto mais anos passavam mais gostava de Domingos chuvosos, porque sabia que mesmo sem ter, existiria sempre música, cócegas e torradas no chão que eram na realidade muito mais do que música cócegas e torradas no chão...

 

24
Abr17

É contigo que tens de viver...

fashion

 Man and woman at the cafe (1903) Pablo Picasso 

Entraram e ela escolheu a mesa no andar em cima, mesmo em frente à porta de vidro. Cá fora dois rapazes estavam sentados na esplanada e discutiam os desenhos que um deles tinha na camisola preta. Riram-se e continuaram animadamente a sua conversa.

Ele pegou na lista e olhou-a introspectivo. Não me apetece pensar, disse ela, por isso escolhe tu.

Não se lembra do que ele pediu, mas escutava as palavras dele. Cada uma delas, enfileiradas, perspicazes  e acutilantes. Não as entendeu logo, mas à medida que bebia a cerveja emprestada e vestida de gelo, começou a senti-las dentro de si. Vivia as palavras e elas passaram a ser dela.  Não sabia explicar a razão, mas pressentia dentro dela uma mudança, uma espécie de grito que estava abafado à espera de ser solto. Ele pousou a mão nela e voltou a repetir-lhe: - A tua consciência terá sempre mais peso do que a opinião do mundo inteiro. É contigo que tens de viver. Ouviu-o outra vez. Ficou muda com o copo na mão e com a efervescência a descer- lhe pela garganta. Sentia-se a andar, mesmo estando sentada.

Pág. 1/5

Mais Sobre Mim

A Ler

Palavra da Semana

Sofrósina

Segue-me

Follow

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

blogs portugal

Este blogue tem direitos de autor Copyrighted.com Registered & Protected

A ler 2