Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Fashion in the bag

Fashion in the bag

14
Nov16

Dos cogumelos à vida

fashion

 

Ouço os silvos do vento quando acaricia a erva verde e comprida, vejo as poucas folhas da cerejeira a despedirem-se do mundo, com a sua mortalha cor de sol.  Na terra, castanha e empedrada, crescem despreocupadamente vários cogumelos brancos, arredondados e perfeitos.

Durante anos adorei esta estação porque a "caça" aos "míscaros", aos cogumelos, às castanhas e às pinhas tornavam-se numa real caça ao tesouro. Pequenos e grandes evadiam os pinhais à procura das riquezas escondidas. Essas riquezas acabavam sempre na lareira crepitante: tudo fazia parte do ritual do Outono. Era o sabor do calor, ou os outros sabores que degustávamos no prato, e que nos faziam sentir como se fossem as melhores iguarias do mundo. O calor, um calor especial, que não vinha só da lareira é o que melhor recordo e o que mais saudades me traz. Aquilo repetia-se durante todos os fins de semana de Novembro. Na altura, nunca olhei com pormenor para os cogumelos, queria encontrá-los, é certo, mas nunca olhei.

Hoje sento-me; sozinha, já não há ninguém no pinhal,  olho demoradamente para os cogumelos: habitualmente nascem num aglomerado e são vários, uns pequenos, uns maiores, mas todos fazem parte de um conjunto. Essa análise, esse olhar, remete-me para o pensamento acerca da vida. Na realidade, somos como os cogumelos, não temos apenas uma vida, mas várias vidas que formam um aglomerado e fazem parte de um conjunto. Há momentos em que as vidas parecem encolher, outras que expandem, mas a vida nada mais é do que outras pequenas vidas. Pego numa cesta de verga, com tampa redonda, também de verga, levanto-me e coloco dentro dela, delicadamente, sete ou oito cogumelos que estavam escondidos entre as folhas,  terei um jantar com algumas vidas que fazem parte de quem sou.

2 comentários

  • Imagem de perfil

    fashion 14.11.2016

    Bom dia, querido Malik! Isso mesmo etapas, fases que compõem uma só vida, mas que são em, simultâneo, resultado de pequenas vidas que temos. Não acredito que nós tenhamos uma só vida. Temos várias dentro de uma.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Mais Sobre Mim

    A Ler

    Palavra da Semana

    anguícomo

    Segue-me

    Follow

    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D

    blogs portugal

    Este blogue tem direitos de autor Copyrighted.com Registered & Protected

    A ler 2